PROGRAMA ESTADO DE EXCELÊNCIA
 
Muito se tem discutido sobre a capacidade de sobrevivência e crescimento das empresas brasileiras em um mercado sem fronteiras, no qual a economia de escala, o sistema tributário, o acesso a financiamentos, a taxa de juros e a tecnologia parecem ser determinantes. 
No entanto essa discussão se desenvolve sem que se dê a devida importância a um componente fundamental para a definição do grau de competitividade de uma empresa ou de uma região que é a atitude empreendedora dos seus líderes. 

Na história da humanidade sempre existiu e sempre existirão momentos difíceis de superar, jogos impossíveis de se ganhar, bolas que batem na trave, tiros que saem pela culatra e mulas que empacam e não sobem a serra. Com maior ou menor grau de dificuldades o fato é que a vida segue e não há crise pior do que morrer de medo.  Sim, o crescimento sustentável e lucrativo das empresas requer um ambiente econômico mais propício: um sistema tributário mais justo, modernização das leis trabalhistas, crédito acessível e inovação tecnológica, mas, acima de tudo, requer um choque de empreendedorismo.

Ao realizar o Programa Estado de Excelência oferecemos nossa contribuição para que o espaço seja um observatório permanente de boas práticas cuja divulgação promova a cultura do empreendedorismo.

OBJETIVOS


Promover o desenvolvimento regional focado no potencial de geração de trabalho e renda da economia catarinense;
Desenvolver a cultura do empreendedorismo;
Queda de paradigmas que bloqueiam a percepção de novas oportunidades;
Estimular uma atitude mais objetiva de percepção, mudança e iniciativa;
Potencializar as vocações econômicas;
Estimular a educação e a capacitação profissional compatíveis com as necessidades concretas das empresas e da vocação regional.